G44 Brasil comemora dois anos de atuação

No dia 11 de outubro de 2019, a G44 Brasil alcançou a marca de 730 dias de um trabalho intenso em prol da concretização de um sonho. São dois anos à frente da gestão de negócios, no ramo da mineração e criptomoedas, com foco na excelência, inovação, segurança, compromisso e qualidade em todos os nossos processos.

Ao longo desta jornada, um time de excelência foi construído para tornar concreto tudo o que o hoje o mercado conhece como G44, todos os nossos projetos que hoje impactam, de forma tão positiva, a vida de tantas pessoas.

Fizemos nosso ofício em unidade e vimos nos laços profissionais o nascimento de um sentimento mútuo de amizade, parceria, superação e cooperação entre tantas mãos que modelam essa empresa.

Primeiro, nasceu a INOEX e com ela os investimentos na área de tecnologia e criptomoedas. Novas oportunidades surgiram e essa história ganhou novos rumos quando Senhor Sallem Ahmed Zaheer e Senhora Josy Escobar adquiriram uma mina de esmeraldas em Campos Verdes, no Goiás, e uma participação societária em uma mina de ouro no norte do País, no Distrito de Lourenço, em Calçoene (AP).

Entrar no mercado da mineração nos ofereceu a oportunidade de investir em equipamentos de ponta aliados à inovação na gestão de negócios. Com isso, a extração de minério foi ampliada para um centro de lapidação e realizamos o sonho de construir uma fábrica de joias.

Esse trabalho foi além. Conseguimos impactar as regiões onde mineramos. Em Campos Verdes, nossas atividades reaqueceram a economia local, com a oferta de formação profissionalizante, onde mais de 500 empregos já foram gerados e com a expectativa da geração de cerca de mil postos de trabalho abertos até o fim do ano.

Além disso, nosso trabalho do escritório em Brasília foi ampliado para São Paulo-SP, Campos Verdes-GO, Calçoene-AP e Goiânia-GO.

Se chegamos até aqui, devemos isso a confiança que todos os nossos amigos, clientes e parceiros que encontramos nessa estrada. Então a todos, o nosso muito obrigado!



Deixe uma resposta